São Paulo, 06 de Agosto de 2020
22 07

Cranioestenose – você já ouviu falar nesta doença?

Por Dra Raquel Zorzi, às 09:00 - 22 de Julho de 2019 Indicar Natus TecnologiaImprimir Natus Tecnologia
criança cranioestenose marketing

               A cranioestenose (também chada de craniosinostose) é uma doença que está relacionada com o formato do crânio do bebê. O crescimento craniano como um todo ocorrerá se o cérebro for normal (o principal “motorzinho” que faz o crânio crescer) e se as famosas “suturas cranianas”, que são as linhas entre os vários ossos que do crânio, estiverem abertas.

               O problema maior ocorre quando estas tais suturas se fecham antes da hora causando a cranioestenose. Nesta situação, a sutura fechada impede o crescimento naquele local, mas como o cérebro é normal ele empurra outras áreas do crânio para tentar crescer normalmente, deformando seu formato com este crescimento “torto”. Geralmente algum grau de deformidade é percebida já no nascimento e a cabecinha do bebê vai ficando cada vez mais torta com o tempo.

               A cranioestenose afeta 1 a cada 2000 a 2500 bebês e dependendo do tipo de sutura fechada temos um formato e uma cranioestenose diferente – a mais comum (cerca de 56%) é a escafocefalia, causada pelo fechamento da sutura sagital (a cabeça do bebê fica comprida e bicuda) e a mais rara (cerca de 2%) é a plagiocefalia posterior verdadeira, causada pelo fechamento da sutura lambdoide (a cabeça do bebê fica amassada de um lado só na parte de trás).

                  Caso haja suspeita de que o bebê tem cranioestenose o ideal é procurar o neurocirurgião pediátrico o mais breve possível, pois a cirurgia deve ser realizada idealmente no primeiro ano de vida do bebê. 

Quer saber mais ou agendar uma consulta? Acesse meu site draraquelzorzi.com.br

Comentários

Conheça a dra. Raquel

O conteúdo deste site é de caráter informativo e produzido e editado pela Dra Raquel Zorzi CRM 142761 - Zorzi Servicos Neurocirurgicos Eireli - Epp. Não nos responsabilizamos por decisões médicas ou de familiares baseadas no conteúdo deste site, em caso de dúvida consulte seu médico. © 2020 Todos os direitos reservados. Proibido a reprodução total ou parcial Natus Tecnologia